Chá de Bardana

Bardana – Para que serve, benefícios

Antigamente era usada em misturas com outras ervas para fazer clareamento de pele, hoje as funções da Bardana vão além, pois possuí função depurativa e cicatrizante. Suas raízes são eficazes para purificar o sangue, em doenças reumáticas, afecções em geral e distúrbios digestivos. Além disso, a Bardana também pode ser usada para aliviar os sintomas de problemas gastrointestinais, como prisão de ventre ou má digestão, como tratamentos de fígado, nos casos de hepatites e cirrose, além de cálculos biliares. Seu uso como depurativo, as raízes também tratam doenças reumáticas, sendo excelente antinflamatório para tratar artrite; problemas renais e digestivos e com ela é preparada uma pomada, para uso externo, para curar eczema, além de uma loção para queda de cabelos.

Reações

O uso de Bardana como alimento é provavelmente seguro, principalmente quando consumida junto a outros alimentos.  A planta pode causar reações alérgicas em pessoas sensíveis a certas ervas e flores; principalmente quando aplicada sobre a pele, é importante fazer um teste com uma dosagem mínima e se houver algum tipo de irritação, suspenda o uso.

Como preparar o chá

Colocar 3 colheres de sopa de raiz de bardana em uma panela, deixando ferver com 1 litro de água durante 5 minutos. Deixar amornar, coar e beber até 3 xícaras por dia.

Óleo de Bardana

O óleo de bardana é um dos meios de utilizar as raízes da planta, ele deve ser feito da seguinte maneira:

Reserve 500 mililitros de óleo de sésamo juntamente com seis colheres de sopa da raiz da bardana picada e deixar descansar por três dias. Serve para tratar caspa, dessa forma, devendo ser aplicado no couro cabeludo e só ser lavado no dia seguinte, isso deve ser feito duas vezes por semana.

Bardana - Para que serve, benefícios

Contraindicações

A Bardana é contraindicada para mulheres gestantes, em fase de amamentação, pessoas com distúrbios hemorrágicos devem evitar o consumo da planta, pois ela pode retardar a coagulação do sangue, assim aumentando a probabilidade de ocorrência de hemorragias. Em casos de cirurgias, o uso de bardana deve ser interrompido cerca de 15 dias antes do procedimento cirúrgico.