Aboboreira

Aboboreira: Para que serve, benefícios e propriedades

Presente em todas as regiões brasileiras, essa planta rasteira vem prestando um grande serviço ao povo. Seu fruto, suculento, decorativo e nutritivo é muito usado na culinária nordestina com o nome de jerimum.

Segundo as características morfológicas externa das abóboras, podemos descrevê-la como sendo frutas de formato redondo e achatado, são geralmente de coloração laranja avermelhado, porém existem espécies de coloração amarela, verde escuro, branco e até mesmo cinza, e sua casca é grossa e lisa, com algumas nervuras. Suas sementes são pequenas e lisas. A polpa da abóbora é doce e bastante saborosa. Por isto é muito apreciada na culinária, sendo preparada de diferentes maneiras. É usada para o preparo de purês, doces, tortas, caldo, sopas, etc. As sementes são usadas muitas vezes torradas e servem como um nutritivo lanche. Além disto, a abóbora é usada para decorar pratos e muito utilizada principalmente na tradicional festa norte-americana, o Halloween, também conhecido como o dia das bruxas. Neste evento as abóboras são esculpidas de variadas maneiras em forma de face. Geralmente coloca-se uma vela em seu interior para que fiquem iluminadas durante toda noite do dia das Bruxas.

Aboboreira - Para que serve

Seus benefícios e nutrientes

Ela é rica em vitamina A, vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo e é uma fruta de baixa caloria. É considerada uma fruta com propriedades medicinais indicada para combater inflamação das vias urinarias, infecções dos rins, inflamação do fígado e baço, além de ser vermífuga, estomáquica, anti-febril, hepática e muito usada para combater a náusea. Em pessoas que enfrentam problemas digestivos, a abóbora é muito recomendada por possuir um alto teor de fibra, o que contribui para ajudar na digestão adequada.

Aboboreira - Para que serve

As folhas da aboboreira fornecem um suco mucilaginoso, semelhante ao da babosa, muito útil em casos de queimaduras, assaduras, brotoejas.

Os brotos da aboboreira, conhecidos também como “cambuquira” são ótimos como alimento e indicados nos casos de prisão de ventre ( saladas cruas e refogado dos brotos).

A semente já vem sendo usada há séculos como vermífugo eficaz, inclusive contra a tênia. A polpa da fruta usada crua, como salada, temperada com limão, é útil nos casos de “retenção de água” por parte do organismo, hidropisia e para cólicas intestinais produzidas por gases. Cozida também é aconselhada contra gases intestinais.

A abóbora é refrescante. Cozida como um caldo, pode ser administrada a crianças com intestino solto.